Grupo Valouro: O líder agroalimentar do país é o 7.º maior produtor de aves da Europa

Tem um volume de negócios de 275 milhões de euros mas continua a ter cariz familiar. Hoje, conta com mais de 36 empresas, unidades de produção na Europa e em África e recorreu à exportação para superar a crise económica

Com uma faturação de mais de 100 milhões de euros em 2014, a Rações Valouro é líder do seu segmento de mercado e produz 327 mil toneladas por ano. As outras áreas de negócio do grupo com o mesmo nome vão da agricultura à criação e comercialização de aves e de ovos de incubação e à produção de energia

Com uma faturação de mais de 100 milhões de euros em 2014, a Rações Valouro é líder do seu segmento de mercado e produz 327 mil toneladas por ano. As outras áreas de negócio do grupo com o mesmo nome vão da agricultura à criação e comercialização de aves e de ovos de incubação e à produção de energia

A crise não toldou o seu crescimento, antes fez os seus administradores procurar outras soluções que se traduziram pela expansão internacional da produção e procura de novos mercados de exportação. Detentor de marcas de referência como a Avibom, Kilom ou a Rações Valouro, o Grupo Valouro é hoje o líder do setor agroalimentar português, o 7º maior produtor avícola da Europa e a empresa que mais fatura no negócio de rações em Portugal.

Quando em 1875 Manuel dos Santos criou a sua empresa de comercialização de aves não podia imaginar que tinha dado o primeiro passo para a criação de um império que seria conduzido durante mais de meio século pelos seus sobrinhos-netos, José António e António José dos Santos, os gémeos que aos 15 anos começaram a ajudar no seu negócio.

O início da expansão e modernização começou logo a partir de 1958, quando os gémeos assumiram a gestão da Casa Manuel dos Santos. Em 1966 criaram um matadouro de aves próprio – o segundo de cariz privado do país. Cerca de uma década depois foi o salto para as rações e daí, pela aquisição de aviários e criação de novas empresas, passou para o negócio de multiplicação de aves. Em 1990, a conglomeração das várias empresas deu origem ao Grupo Valouro e a expansão continuou para incluir a produção de cereais, carnes de aves transformadas, pintos e ovos de incubação e, até, energia.

Espanha foi o primeiro passo da internacionalização mas a aposta tornou-se mais forte a partir do ano 2000. Hoje o grupo tem unidades também em Angola e Bulgária, exporta para três continentes e conta com grandes clientes como a Rússia.

Apostando sempre na atualização tecnológica e de infraestruturas da empresa, o GrupoValouro investiu também na criação de parques eólicos e fotovoltaicos.

 

Texto: Adelaide Cabral
Foto: Grupo Valouro